Pó de Lua | Clarice Freire

03:01 Thiago Galvão 1 Comments

Pó de Lua leva o leitor a uma reflexão e traduz o belo, juntamente com o trabalho da editora, apresentando então, um caderno moleskine diferente.


Ao trazer para as folhas as charmosas ilustrações e o jeitinho cativante da autora, nos apaixonamos pelas palavras sinceras que, em forma de poemas, jogos de palavras é versos, atingem seu objetivo: "didiminuir a gravidade das coisas".

Não encontramos apenas mensagens bonitas, mas mergulhamos em sentimentos como a dor, perda, saudade e amor. Isso sempre dividido nas quatro fases da lua. É essa divisão que faz a obra ainda mais encantadora, uma vez que ela não apresenta um seguimento lógico e ordem para leitura. Fazendo assim que o leitor se perca em cada uma das palavras.


Apesar de um livro não muito grande (192 páginas), e que pode ser lido rapidamente, o desejo de quem está lendo é parar e refletir nos seus poemas.

Se pararmos para falar da proposta gráfica,  a Editora Intrínseca brilhou. Com uma proposta diferente, desde o formato até o acabamento do livro, ficamos boquiabertos com o cuidado e carinho que esse livro foi produzido. A sensação é que estamos abrindo o diário da Clarice, e mal sabemos, que após a primeira vez que lemos, vamos encontrar altos e baixos da vida retratados com um humor discreto e fofo de uma forma imensurável. 


Vale lembrar também uma curiosidade: o trabalho da Clarice começou com o seu blog, então, até hoje podemos encontrar diversos novos, e antigos, trabalhos da publicitária.

E vocês, gostaram de Pó de Lua?

Um comentário:

  1. Esse livro é tão lindo, tão amor!

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir